editora

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

nome e logo

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

indivíduo 

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

quem

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

 

identidade

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

séries

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. Mas será pelo cuidado que colocaremos nos lugares de sua instauração, que poderemos nos dissolver em uma paisagem que voltará a ser secreta. Fazer presente a comunidade sempre foi uma conspiração.

#insígnia

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#sujeitodrama

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#citoyens,gohome!

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#incógnito

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#inconfessável

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#nãotrabalhamaisaqui

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#parapolítica

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

#massafalida

Com o nascimento da não-evidência na época em que vivemos, que temos vivido em comum, surge a aversão pelo presente da representação: então, como se faz para que este mundo seja possível? Ruptura: será na destituição que se estabelecerá a comunidade. 

 

contato

fique por dentro dos nossos lançamentos, promoções, atividades, conteúdos e projetos assinando nossa newsletter:

PARA LER COM O CORPO!

© GLAC edições 2019

rua conselheiro ramalho, 945,

1º andar, sala 4, bela vista,

são paulo – sp, 01325-001

glacedicoes@gmail.com

cnpj:19.884.010/0001-65

ie: 126.272.212.119

2019. GLAC edições. design e desenvolvimento por Pablo Vieira.

0
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube - Black Circle